Post Image
hace 6 meses

Textang II já vende 40% da produção

A unidade têxtil Textang II, localizada no município do Cazenga, já está a vender, no mercado interno, 40 por cento da sua produção, nove meses depois da sua reabertura e...


Entre Julho e Agosto as vendas atingiram os 40 por cento, valor que poderá chegar aos 100 por cento, em breve, com a conquista do mercado nacional e africano, de acordo com o director comercial da fábrica, Martin Dukart, em declarações à ANGOP.


O responsável disse que a qualidade dos tecidos foi uma aposta, com vários seguimentos e tons, para decoração de residências e unidades hoteleiras (tecidos e roupa de camas), uniformes, bem como tecidos camuflados para as forças armadas.

Sob gestão do grupo IEP (Investimentos e Participações),  actualmente, a unidade  mantém a produção de 250 mil metros lineares, tendo como previsão chegar aos 750 mil metros lineares, no primeiro semestre de 2022.

A empresa, que está presente na Feira Internacional de Luanda (FILDA/2021), importa 800 a 100  toneladas de algodão e 30 de polyéster. Com este material são produzidos 100 mil quilos de fios por mês, tendo-se em Stock 134 mil quilos.
Produção de algodão

A unidade fabril  têxtil Textang II vai absorver a produção de algodão a ser produzida, a partir de 2022,  na Baixa de Cassanje, Malanje, um projecto que vai relançar a produção deste produto em Angola.

Passadas dezenas de anos, o grupo IEP (Investımentos e Participações), da qual a Textang II é um dos braços, já tem elaborado o projecto que prevê uma área de cultivo total de 700 hectares, na referida localidade do Norte de Angola.